• Assessoria de Comunicação

Encontro com o deputado Padre Afonso Lobato dá início à criação da Frente Parlamentar em defesa dos



O assistente jurídico do Sindicomunitário-SP, João Paulo Lemos (dir.), entrega nossas solicitações nas mãos do deputado Padre Afonso Lobato e é informado pelo parlamentar que este já encaminhou pedido para a criação da Frente Parlamentar em Defesa dos ACS para a Mesa Diretora da Alesp.

Ontem, 07/03 (quarta-feira), foi mais um dia agitado para os diretores do Sindicomunitário-SP. Com a informação de que 39 ACS’s foram demitidos pela Associação Saúde da Família (ASF), o nosso presidente Jailson, acompanhado do assistente jurídico João Paulo Lemos, protocolou ofícios na Comissão de Saúde da Câmara Municipal de São Paulo, Conselho Municipal de Saúde de São Paulo e Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo.

O companheiro Jailson também havia planejado falar novamente na tribuna do Salão Nobre da Câmara Municipal de São Paulo durante a sessão da Comissão Permanente de Saúde, Promoção Social, Trabalho e Mulher. Infelizmente, por falta de quórum, a reunião não aconteceu.

À tarde, João Paulo, representando o companheiro Jailson, encontrou-se com o deputado estadual Padre Afonso Lobato em seu gabinete na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp), reunião que estava programada para o dia anterior (06/02). De todas as reuniões realizadas até agora, desde o início dessa verdadeira maratona de articulações junto a vereadores e deputados estaduais de São Paulo, iniciada no dia 19/02, para que apoiam a implantação do Curso Técnico de Agente Comunitário de Saúde e criação de duas Frentes Parlamentares em defesa dos ACS (uma na Câmara Municipal e outra na Alesp), este encontro com Padre Afonso talvez tenha sido o mais objetivo e produtivo.

O parlamentar não só recebeu nossas solicitações e prontificou-se em nos apoiar, como também já fez o pedido de criação da Frente Parlamentar em Defesa do PSF/ESF e dos Agentes Comunitários de Saúde. Essa Frente terá âmbito estadual, o que nos permitirá alcançar os demais municípios do interior.

Segundo Padre Afonso, o documento encontra-se pronto, só aguardando o envio para Mesa Diretora da Alesp, para aprovação.

Objetivos

Com o intuito de lutar pela implantação desse importante curso de Formação Técnica de Agente Comunitário de Saúde para melhorar a formação e qualificar ainda mais os ACS’s, nosso sindicato iniciou, a partir deste mês de fevereiro, uma maratona de reuniões e encontros com parlamentares paulistas, de todos os partidos e matizes ideológicas, entre os 55 vereadores da capital, os 94 deputados estaduais e os 3 senadores que representam o estado de São Paulo.

Além do Curso Técnico em Agente Comunitário de Saúde, o Sindicomunitário-SP está empenhado em criar duas Frentes Parlamentares em Defesa dos Agentes Comunitários de Saúde, uma municipal e outra estadual.

Próximas reuniões

Já está agendado para hoje à tarde, 08/03 (quinta-feira), reunião com a senadora Marta Suplicy.

Fiquem atentos em nossas redes sociais e em nosso site, pois estaremos divulgando os resultados e detalhes desses importantes encontros.

Sobre o Curso Técnico em Agente Comunitário de Saúde

O objetivo desse curso é formar profissionais técnicos de nível médio do eixo tecnológico AMBIENTE, SAÚDE E SEGURANÇA, na habilitação “Técnico em Agente Comunitário de Saúde”, de acordo com as demandas da região.

A duração será de 8 trimestres (2 anos), sendo 1.200 horas de curso técnico e 600 horas de estágio curricular.

Poderão participar do curso os estudantes que estejam cursando o 2º ou 3º anos do ensino Médio ou que já tenham concluído esse grau de ensino.

Após a conclusão do curso, o agente receberá seu diploma de Técnico em Agente Comunitário de Saúde.

#DeputadoPadreAfonso #FrenteParlamentarACS #CursoTécnicoACS #maratonadereuniões #JoãoPauloLemos #Alesp #AssembleiaLegislativa

3 visualizações

© 2017 por David Paiva

Av. Prestes Maia, 241 - 43º andar - Conj. 4301 - Vale do Anhangabaú/SP CEP 01031-001 -  (11) 3313-7495 ou (11) 3311-8521