• Assessoria de Comunicação

CAMPANHA SALARIAL 2019 - 5,07% de reajuste em parcela única: mais uma conquista da categoria

Atualizado: 13 de Ago de 2019

• PISO SALARIAL: R$ 1.586,64

• VR (Vale Refeição): R$ 24,06

• VA (Cesta Básica): R$ 125,90

• Auxílio Creche: R$ 237,83


Mais uma Campanha Salarial complicada, de tirar o fôlego, chega ao fim. Este foi, sem dúvida, um dos anos mais difíceis para nossa categoria em termos de negociações.


E hoje, 12/08/2019 (segunda-feira), finalmente assinamos com o Sindhosfil (sindicato patronal) nossa CCT 2019/2020 (Convenção Coletiva de Trabalho 2019/2020).



Os presidentes Jailson (Sindicomunitário-SP, à direita) e Dr. Edison Ferreira Silva (Sindhosfil-SP), assinam a CCT 2019/2020 na sede do sindicato patronal, no dia 12/08/2019 que celebra o novo piso salarial da categoria em São Paulo e outros benefícios. (Foto: Divulgação)

Conquistamos um reajuste em nosso piso salarial, de 5,07%, EM PARCELA ÚNICA! Esse foi um grande avanço, não apenas por conseguirmos o reajuste todo de uma vez, mas também pelo índice conquistado, acima da maioria das categorias profissionais. Assim, o piso salarial dos ACS da Capital passará a ser de R$ 1.586,64 e de R$ 1.388,31 para as companheiras e companheiros do litoral e interior do estado. E esse reajuste será retroativo a 1º de maio. Isso quer dizer que as empresas deverão pagar as diferenças salariais desde essa data até agora, a partir do salário de agosto, que será pago em setembro.

Entre esses avanços, também conquistamos algumas cláusulas novas em nossa CCT que não existiam. No caso do VR (cláusula 59ª), conseguimos incluir o recebimento dele em campanhas de saúde também.


Chegamos a decretar estado de greve e até mesmo a decretar greve de toda a categoria. Mas, nos últimos dias de negociações, o Sindhosfil viu, de novo, que não estamos para brincadeira e voltou atrás na proposta de parcelar nosso reajuste em duas vezes. Não gostamos disso, mas foi preciso apelar para a pressão da GREVE para nos fazer entender.


Entendemos que a greve não é sempre o melhor caminho, mas é aquele remédio amargo necessário para tratar determinadas enfermidades. Neste caso, a doença crônica é o desrespeito ao trabalho árduo dos agentes comunitários de saúde de São Paulo e várias outras companheiras e companheiros como também os Agentes de Promoção Ambiental (APA), Acompanhantes Comunitários de Idosos (ACI), Acompanhantes Comunitários (AC), Acompanhantes de Pessoas com Deficiência (APD) e Agentes Redutores de Danos (ARD).

Felizmente, esse remédio acabou não sendo necessário.


Enfim, após quase quatro meses de negociação (nossa data-base é em 1º de maio), avançamos nas cláusulas econômicas, aquelas que reajustam nossos benefícios financeiros.


Além do nosso piso salarial, o mesmo reajuste de 5,07% foi aplicado também no VR (Vale Refeição, que passa para R$ 24,06), VA (Cesta Básica, que passa para R$ 125,90) e Auxílio Creche (que passou para R$ 237,83 mensais para quem tem filhos de 0 a 6 anos de idade).

Mas essa vitória não é do Sindicomunitário-SP. É de vocês, trabalhadores, que compareceram às assembleias, discutiram, deram sugestões, apoiaram seu sindicato e votaram!

Parabéns a todos ACS, APA, ACI, AC, APD e ARD de São Paulo por essa união que só fortalece a todos e garante conquistas!


Estamos juntos e misturados na próxima Campanha Salarial 2020/2021 para não deixar morrer nossos sonhos, nossas condições de vida e trabalho!


EM TEMPO: Além desta segunda-feira de decisões cruciais com o patronal, o nosso presidente Jailson, acompanhado do secretário geral João Paulo de Souza, também foi recebido pelo secretário municipal de Saúde de São Paulo, Dr. Edson Aparecido dos Santos, a quem levaram outras demandas e que o secretário garantiu nos dar retorno em breve.


Inclusive, o secretário chegou a gravar um vídeo com nossos diretores, em uma demonstração de parceria em prol de toda a sociedade, alertando sobre a urgência da vacinação contra o sarampo. Ainda esta semana estaremos divulgando esse vídeo.

0 visualização

© 2017 por David Paiva

Av. Prestes Maia, 241 - 43º andar - Conj. 4301 - Vale do Anhangabaú/SP CEP 01031-001 -  (11) 3313-7495 ou (11) 3311-8521